renan
Com o afastamento de Renan, quem assume o Senado é o petista Jorge Viana

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), foi afastado do posto por decisão do ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal. A decisão tem caráter liminar (provisório) e acata pedido da Rede, feito nesta segunda (05), para que Renan fosse afastado.
“Defiro a liminar pleiteada. Faço-o para afastar não do exercício do mandato de Senador, outorgado pelo povo alagoano, mas do cargo de Presidente do Senado o senador Renan Calheiros. Com a urgência que o caso requer, deem cumprimento, por mandado, sob as penas da Lei, a esta decisão”, diz a decisão.
Com o afastamento de Renan, quem assume o Senado é o petista Jorge Viana.